Quinze sugestões para celebrar o 30º aniversário de Praga, Český Krumlov e Telč na Lista da Unesco

Praga, Český Krumlov e Telč foram declaradas Patrimônio da Humanidade pela UNESCO há 30 anos e isso merece grande celebração. Para celebrar devidamente, selecionamos quinze  sugestões que farão da sua estadia na República Tcheca uma experiência inesquecível.

Por: Pepa Garcia

Publicado: Janeiro 30, 2023

Cidades tão monumentais quanto Praga, Český Krumlov e Telč não precisam de declarações internacionais que reconheçam sua beleza. Contudo, vale lembrar que uma entidade tão prestigiosa como a Unesco considerou, ainda em 1992, que essas três cidades deveriam ser incluídas na Lista dos Patrimônios da Humanidade – a mais prestigiada no planeta. Desde então, os motivos para visitá-las não pararam de crescer, seja do ponto de vista contemplativo ou as possibilidades de diversão que oferecem a quem as visita. Se está entre seus planos de viagem visitar esses três destinos tchecos, selecione algumas dentre as quinze sugestões que listamos a seguir – cinco para cada uma das três famosas cidades tchecas Patrimônios da Humanidade.

Programas originais em Praga

Você já conhece as tradicionais atrações da capital tcheca porque temos falado frequentemente sobre elas (você pode consultar o post O que ver em Praga, com todos os detalhes). Além de visitar os lugares básicos como o Castelo de Praga, a Praça da Cidade Antiga ou a Ponte de Carlos, se você quiser acrescentar experiências as cinco sugestões a seguir são ideais.

1. Ver o entardecer sobre o Moldava

A sugestão romântica para você descobrir a magia da capital tcheca é fazer um cruzeiro fluvial pelo rio Moldava ao entardecer. Você pode até adicionar um pouco de emoção fazendo o passeio em caiaque, no qual, passo a passo, é gerada uma experiência inesquecível. Admirar como a última luz dourada do dia ilumina o horizonte da cidade é um dos melhores presentes que Praga pode nos dar. No verão, a experiência pode terminar com uma cerveja numa plataforma de bar flutuante (aqui você poderá alugar prancha de paddle surf ou caiaque). Há, ainda, a opção de desfrutar sessão de hidromassagem e sauna ao ar livre.

2. Viver a atmosfera de Praga

Música nas ruas, mercadinhos, passeios às margens do Moldava... Se você visitar Praga durante o verão, encontrará alegria no caminho em todos os recantos da capital. Nós o convidamos a fazer um passeio fluvial com paradas em alguns dos seis antigos armazéns com amplas janelas, que oferecem vistas privilegiadas para o leito do rio e que abrigam galerias de arte, cafés, lojas, postos para aluguel de bicicletas e bem mais.

3. Passear entre rododendros no Parque Průhonický

Průhonický abriga um arboreto com mais de 1.600 espécies de árvores nacionais e internacionais e é considerado um dos mais belos e interessantes parques da capital tcheca. Admire a beleza dos rododendros, passeie por seus caminhos, ouça o fluxo da água a despencar de pequenas cachoeiras e veja o reflexo do Palácio Průhonice. Este é um daqueles programas ideais para descansar da azáfama turística.

4. Subir aos terraços e telhados de palácios e museus

Qualquer hora do dia é perfeita para visitar um dos terraços que oferecem belas vistas sobre os telhados da capital tcheca. Para citar apenas três, sugerimos que visite os terraços do Palácio Lobkowicz, no Castelo de Praga; do Palácio de Lucerna; e o terraço do Museu Nacional da Agricultura em Praga.

5. Visitar a obra de Alfons Mucha

Alfons Mucha, o grande artista tcheco da Art Nouveau , nasceu na Morávia em 1860 e morreu em Praga em 1939. Nesse intervalo de tempo não parou de criar obras maravilhosas, na sua terra natal e em muitos outros lugares do mundo. A nossa recomendação é que aproveite a sua viagem a Praga para fazer um dos quatro itinerários temáticos, os quais permitem descobrir os lugares que marcaram a vida do artista e se maravilhar com as suas obras. Algumas atrações imperdíveis são a Catedral de San Vito, com seus belos vitrais; o Museu Mucha, localizado no barroco Palácio Kaunický; e a Prefeitura.

Programas divertidos em Český Krumlov

O centro histórico moldado na curva fluvial mais atraente da Boêmia do Sul não passou despercebido pela Unesco ou pelos corações dos viajantes por muitos séculos. Passeie por Český Krumlov com calma e experimente a sensação de viajar no tempo, pois este não é um lugar para pressa, mas para aproveitar cada momento vivendo intensamente.

6. Levar uma memória do passado

A atmosfera de Český Krumlov convida você a sonhar com tempos distantes, vestir trajes de outros tempos e posar para foto em grupo, como os vizinhos faziam no início do século 20. O melhor de tudo é que essas fotos podem ser a melhor lembrança da viagem. Basta ir ao Museum Photo Studio Seidel e fazer a pose mais séria ou engraçada.

7. Navegar em barco

Ao navegar em um barco pelo meandro do Moldava em Český Krumlov, à medida que você avança mais consegue observar as casas agrupadas ao redor do rio e a magnificência do palácio. A melhor hora para desfrutar desse passeio é ao entardecer, quando os turistas começam a desaparecer das ruas e a cidade fica amarelada pela luz dos postes. Pura magia.

8. Visitar uma mina de grafite

Mesmo em um lugar de conto de fadas como é Český Krumlov, você pode praticar o turismo industrial. Nessa cidade é possível visitar uma mina de grafite com extenso labirinto de galerias, passeio ideal para atividade familiar. As crianças vão adorar entrar no trem mineiro, vestidas à caráter e carregando um lampião, ao modo dos mineiros

9. Procurar o olhar de Egon Schiele

Outra visita obrigatória em Český Krumlov é o Egon Schiele Art Centrum, dedicado ao pintor e artista gráfico Egon schiele, que  passou longas temporadas na cidade. A galeria é localizada no edifício renascentista que, no passado, abrigava a antiga cervejaria municipal.

10. Experimente iguarias de cardápio medieval

Pode parecer estranho, mas esta experiência consiste em fazer uma refeição completa composta por receitas da Idade Média, com produtos e técnicas de há vários séculos. Um dos melhores restaurantes para oferecê-lo é a taberna U dwau Maryí, que fica à beira do rio e oferece belas vistas do palácio.

Programas refrescantes em Telč

Com seus pouco mais de cinco mil habitantes, a pequena cidade de  Telč, localizada no sudoeste da Morávia, não para de colher elogios de quem se atreve a deixar o circuito turístico habitual da República Tcheca. Dizem que Telč é a cidade que representa o melhor exemplo do Renascimento italiano do norte da Europa, mas você terá que decidir por si mesmo. Para começar, sugerimos a seguir cinco atividades.

11. Escolher a casa mais bonita da Praça Telč

Não é uma tarefa fácil selecionar apenas uma das fachadas da praça renascentista de Telč, porque todas elas mostram belos detalhes. Caminhe devagar pela praça, tome uma bebida em seus cafés e compre alguns souvenirs em suas lojinhas... depois,  continue o passeio visitando os arredores,  a partir da torre da Igreja do Espírito Santo.

12. Entrar em palácio renascentista

Nos interiores do Palácio de Telč tudo emana elegância, você poderá intuir o que é vida nobre ao admirar seu Salão Dourado com seu maravilhoso teto de caixotões. Também não deve perder a capela de Todos os Santos e o extenso parque que circunda o edifício.

13. Saborear cerveja artesanal

Não é a atividade mais original da República Tcheca, mas você vai gostar. Não deixe de passar na micro cervejaria Pansky pivovar aonde, além de provar cervejas artesanais, você poderá saborear receitas locais e recuperar as energias perdidas.

14. Descer dois metros abaixo do solo

A beleza de Telč que está à vista muitas vezes ofusca a antiga cidade medieval que permanece alguns metros abaixo do solo. Convidamos você a visitar a exposição interativa localizada ao longo de 250 metros de corredores subterrâneos. Se você viaja com crianças, elas vão adorar.

15. Praticar paddle surf em lagoa

Deixamos para o final uma atividade muito divertida e refrescante - subir numa prancha de paddle surf para conhecer a face aquática da cidade, tendo por apoio uma das suas lagoas. Nesta atividade, natureza circundante requer para si o protagonismo. esta atividade. Em terra firme, boa opção é visitar o parque do palácio.

Cada uma das 15 propostas acima confirma que essas três cidades chegaram aos “trinta anos” na Unesco com espírito jovem e programas revigorantes para todas as idades. Já escolheu com qual vai começar?

 

 

Guia básico - O que ver em Karlovy Vary

Os dez recantos mais bonitos da cidade termal de Karlovy Vary, na República Tcheca, para conhecer na próxima viagem, enquanto saboreia a água de suas fontes medicinais. Anote saudáveis recomendações.

Arquitetura Cultura Dica de local Experiencia de viagem Luxo Natureza Patrimônios
Kutná Hora, vislumbres do esplendor histórico

Kutná Hora, na Boêmia Central, já foi a segunda cidade mais importante do país pela riqueza de seus minerais. Um pouco desse esplendor permanece no seu belo centro histórico e na majestade de suas igrejas, que marcam contraste notável com a atmosfera quase irreal de suas ruas e esquinas.

Arquitetura Cultura Patrimônios
Cinco fotos clássicas de cidades na República Tcheca

Ok, ok, cartões postais estão em baixa, solapados pelo Instagram... Mas aquelas fotos clássicas de destinos continuam valendo, mesmo que você não vá selar a cartolina. Veja cinco postais clássico da República Tcheca.

Arquitetura Itinerários
Pacotes