Descubra a Brno mais underground

Brno é uma cidade imprudente e poética, tem senso de humor e vive em seu próprio ritmo. Experiências inesquecíveis aguardam os interessados em descobrir a cena underground de Brno: redutos alternativos,trilhas literárias e bares emblemáticos.

Por: Colaborador Convidado

Publicado: Novembro 13, 2019

Brno é uma cidade que ainda não possui o Brno Pass (oferece descontos nos meios de transporte e estabelecimentos), e aqui não há filas matinais para acesso às atrações turísticas. Os visitantes não seguem nenhuma rota estabelecida, mas ‘se perdem’ nas ruas para descobrir e apreciar grafites. Na Villa Tugendhad é possível ouvir jazz. As passagens comerciais e galerias da arquitetura funcionalista são repletas de cafés, palco para intelectuais lerem livros e passarem o dia.

Convidamos você a desfrutar de cinco experiências que o levarão a descobrir o quanto essa cidade esconde. Cinco lugares absolutamente autênticos no underground de Brno.

  1. Saborear um café na companhia de artistas

Aqui se reúnem artistas que expõe seus trabalhos. O Café Švanda foi construído no período entreguerras, por Bohuslav Fuchs. É localizado na Galeria Alfa, joia funcionalista e, sem dúvida, uma das mais espetaculares e carismáticas da cidade. Ponto de encontro de artistas e intelectuais, sempre dispostos a auxiliar o turista sem noção da cidade.

A cafeteria e a galeria são sediados no moderno edifício do teatro HaDivadlo. A programação de exposições é renovada a cada mês. Švanda, o proprietário, relembra a exposição sob título Pobrezinhas. "Todos traziam das suas casas bonecas, ursos e outros bichos de pelúcia. A exposição teve uma força tremenda, pois trazia ursinhos de pelúcia dependurados nas paredes, a ‘observar’ as cenas com os olhos arregalados", diz.

Café Švanda, segunda a sexta-feira, 09h30 às 24 horas; sábado e domingo, das 15 às 24 horas. Poštovská 455/8, Brno.

  1. Timo: a rota sem nome que nunca termina

Ao caminhar pelas áreas de passagem, por passagens subterrâneas e regiões industriais da cidade, observamos que em algumas áreas ‘cinzentas’ descobrimos grafites incomuns: um pequeno poema na escada, uma brincadeira com o lixo, e até ‘conselhos’ escritos em paredes, como ‘acalme-se imediatamente’. O poeta Timo está ligado a Brno há mais de 20 anos. Pinturas poéticas, criticamente comprometidas ou simplesmente peculiares, inscrições e poemas do artista nos guiam por Brno.

Assim, seus fãs criaram a rota através dos passos do poeta, mantendo sua identidade anônima. E lembre-se, as obras de Timo variam, às vezes permanecem as mesmas, outras, são repintadas ou simplesmente desaparecem, e mais aparecem. Portanto, toda vez que o percurso é feito, a surpresa surge.

  1. Um mundo próprio nos fundos da pedreira

A Colônia de Pedra (Kamenná kolonie) é localizada no centro de Brno, mas, pouco acessível por transporte público. No entanto, tem algo muito especial - ao longo dos anos, vem atraindo inúmeros visitantes.

A Colônia de Pedra está localizada nos fundos de uma antiga pedreira. No início (anos 70), não contava com esgoto ou eletricidade. Gradualmente, ao avanço das décadas dos anos 70 e 80, os trabalhadores foram substituídos por boêmios e artistas. Esses encontraram ali inspiração para seus trabalhos, pois as condições eram perfeitas. Visitar a Colônia de Pedra hoje é como estar em um mundo que existiu há décadas. A propósito, não perca o evento Kamenka Open, que tradicionalmente acontece em julho. Inclui exibições musicais e filmes ao ar livre - com vista extraordinária da cidade de Brno.

Rua Kamenná. Desde a parada de transporte público Nemocnice Milosrdných bratří, o percurso até Kamenná demanda cerca de quinze minutos.

  1. Onde Václav Havel ouvia blues

Traubka é um bar especializado em blues, com uma atmosfera inconfundível desde a sua origem. Aqui, nos idos de 1992, sentado à cadeira junto a velha máquina de costura transformada em mesa, Václav Havel (primeiro presidente da República Tcheca, instituída em 1993) bebia sua cerveja. Atualmente, Traubka segue mantendo charme muito especial.

Blues, penumbra e fumaça de cigarros evocam os tempos passados. Você pode jantar um par de torradas, acompanhadas por uma jarra de boa cerveja local. Traubka é um dos poucos lugares em Brno onde se respira os anos 90, em atmosfera única. Máquinas de costura são mesas, há um piano dependurado no teto e, nas paredes, soma de tapetes e pinturas antigas. Um lugar para poetas e sonhadores - aqui é impossível sentir-se desconfortável. Bem... se você não tem medo da penumbra no bar, mesmo antes do anoitecer.

Blues Bar Traubka, segunda-feira a domingo, das 18 às 02 horas da madrugada. Traubova 8, Brno.

  1. Poslední leč será o último lugar que você visitará hoje

Terminamos o dia em um lugar lendário, especialmente a partir das quatro da manhã, que faz parte do teatro Bolek Polívka.

Poslední leč é o nome de um filme mítico da então Tchecoslováquia, produzido no ano de 1981 e escrito por Bolek Polívka. Com um estilo vintage muito particular, no Poslední leč se tem a sensação de estar na cozinha de um amigo bem abastecido com bebidas, ao som de música perfeita. Poslední leč tem clima perfeito para terminar a noite. Ou para continuar até a manhã seguinte...

Poslední leč clube de teatro, segunda-feira a domingo, das 17 até as 03 horas (para entrar, depois ficar). Jakubského náměstí 5, Brno.

Fontes

http://brno.idnes.cz

http://brnensky.denik.cz

http://www.pruvodcebrnem.cz

http://www.malovanikresleni.cz

Uma cidade para cada Parque Nacional

Com área territorial de apenas 79 mil km2 (a área do Estado de São Paulo é de 284 mil km2), a República Tcheca possui várias reservas naturais, muitas delas protegidas e, em especial, quatro parques nacionais. Ai redor deles, é fácil encontrar cidadezinhas e vilas encantadoras, próximo a destinos turísticos, e com boa logística em acomodações, restaurantes e mais.

Experiencia de viagem Natureza
Brno, de café em café

Inúmeras atrações esperam por você na cidade tcheca de Brno, dentre elas, a gastronomia e a culinária - neste quesito, o amor da cidade pelo café e os deliciosos cupcakes que o acompanham são convite irrecusável para visitar as cafeterias brněnská.

Dica de local Experiencia de viagem Sabores
Uma trilha para o Castelo de Karlštejn

Também para apreciadores de caminhadas, a Tchéquia tem apelos irresistíveis. Uma rede de 43 mil km de trilhas entrelaça  natureza, história, paisagens únicas. Uma destas trilhas é opção para uma bela caminhada que leva desde a cidade de Baroun ao famoso Castelo de Karlštejn.

Castelos e Palácios Experiencia de viagem
Pacotes