Quatro rotas de outono para curtir e relaxar nas florestas tchecas

O outono, estação que revoluciona nossas retinas com a multiplicação dos tons amarelos e acobreados, chega a todos os recantos da República Tcheca. Para mostrar como brilham de tão esplêndidas as florestas tchecas, escolhemos quatro espaços naturais nos quais a natureza é protagonista absoluta.

Por: Pepa Garcia

Publicado: Novembro 29, 2021

Grande parte do território tcheco é formada por florestas, ambientes naturais que nos últimos meses do ano mostram seu lado mais romântico. Entre tonalidades ocre, amarelo, cobre ou vermelho, as copas das árvores parecem emergir de telas saídas do imaginário de um artista. Embora a simples contemplação desses espaços seja tentadora, nossa recomendação é que você saia do carro, ande por eles e se sinta parte deles. Aqui estão quatro lugares que no outono exibem todos os seus atrativos sem falsa modéstia, porque sabem que são espetaculares.

Bosques de faia de Hory Jizerské. © Matyás Gál

1. Florestas de faias de Jizerské hory, abençoadas pela Unesco

Este será o primeiro outono das florestas de faias das Montanhas Jizerské enquanto Patrimônio Mundial da Humanidade, boa desculpa para visitar essa floresta na Boêmia do Norte. Reconhecidos pela Unesco na categoria 'Florestas de faias antigas e primárias dos Cárpatos e outras regiões da Europa', os 4,5 km2 protegidos estão localizados na encosta nordeste das montanhas e 90% são compostos por faias. Somos conquistados pelas tonalidades outonais das folhas dessas árvores, muitas delas centenárias, a desafiar as encostas rochosas nos espaços do seu habitat natural.

Todo o ambiente é magnífico, composto por bosques mistos e faias, mirantes e majestosa vegetação – esta, realmente, a grande protagonista. No espaço protegido não há intervenção humana que o transforme – só a natureza e você, os sons da floresta e a solidão das trilhas. Até agora não tem sido um local muito movimentado, por isso oferece momentos de indiscutível desconexão. A área pode ser alcançada de carro a partir de Liberec, de Hejnice ou de Lázně Libverda, até alcançar a rota para ser percorrida a pé.

Paisagem de outono de Broumov. © Ladislav Renner

2. Florestas da região de Broumov

Podem ser os anos - mais de oitocentos; as brumas - que adicionam mistério; o outono - que desencadeia a imaginação; ou as formas bizarras das pedras, mas a região de Broumov é um daqueles recantos da República Tcheca que merece sair do anonimato. Desde os mirantes de suas cidades rochosas, na temporada outonal é possível observar a imensidão da natureza e a paleta de cores criadas pelas árvores em tons acobreados. É fundamental aceitar o convite da Natureza e explorar, a pé ou de bicicleta, as trilhas, os rochedos de Broumov, o romântico desfiladeiro Kovářova rokle ou a Gruta Mariana, para encontrar recantos idílicos que vão alegrar a sua galeria no Instagram.

Região de Broumov. © Jan Zális

Ao falar de Broumov, falamos da Boêmia do Leste. Além das belas florestas, a região convida a descobrir vestígios de arte espalhados aqui e ali, como o barroco Mosteiro de Broumov, com sua intensa vida cultural; ou a pitoresca cidade de Polička,  com seu castelo e suas casas coloridas. Compartilhar a experiência com entes queridos é melhor ainda - as lembranças serão eternas, para guardar na memória e no álbum de família.

Recantos encantadores de Toulava.

3. O charme da região de Toulava

A luz dourada do outono banha por igual as lindas vilazinhas, as colinas arredondadas e os profundos Vales de Toulava. A mesma doçura permeia toda essa zona turística situada em torno de Tábor e nos arredores de Milevsko e Sedlčany. A meio caminho entre Praga e a Montanha Šumava, esse é lugar perfeito para vivenciar o outono tcheco, espaço aonde a lenda vive em cada um de seus monumentos, castelos e palácios surpreendentes, como Bechyně e o claustro de Milevsko.

Fazendo honra ao significado do nome da cidade - Toulavá significa aquele que vagueia -, os espaços naturais da vila convidam a passear em bicicleta, caminhar por percursos pedonais ou, em Tábor, visitar lugares como o Museu do Chocolate, o Moinho de Housa e o Zeměráj Experience Park (tem aldeias medievais, jogos e pequenos animais). Entre Praga e as Montanhas Šumava, esse lugar quase secreto nunca desilude.

Cidade de Bechyně.

4. Pančava, a maior cachoeira da República Tcheca

O valor paisagístico do Parque Nacional Krkonoše é conhecido de todos. Esse parque é o lar da cordilheira e do pico mais alto do país - o Sněžka. Sem dúvida, nessa área repleta de cumes planos, prados alpinos inundados de flores e misteriosas charnecas há lugares para rotas tão bucólicas como aquelas que percorrem o Vale do Elba. No Parque Nacional Krkonoše você poderá descobrir a cachoeira Pančava, que parece saltar alegremente degrau a degrau para despencar 148 metros e espalhar suas brancas espumas. Embora a cachoeira possa ser visitada durante todo o ano e a cada ocasião ofereça atrativo diferente, quando abrigada pela floresta outonal é tela digna da melhor pintura pré-rafaelita.

Você pode gostar...

Boêmia do Norte: natureza esplêndida

Olomouc, um dos encantos do Cársico da Morávia

Manual básico para cervejeiros novatos

Canais relacionados

Aventura Cultura
PlanTchequia: o canal de podcasts da República Tcheca

A República Tcheca lança PlanTchequia, seu canal de podcasts para trazer informações, dicas e sugestões das melhores atrações do país. Faça Seu Plano e Papo Tcheco já têm episódios disponíveis nas principais plataformas de áudio, e também no YouTube.

Aventura Experiencia de viagem Itinerários Sonhe
Quatro rotas de outono para curtir e relaxar nas florestas tchecas

O outono, estação que revoluciona nossas retinas com a multiplicação dos tons amarelos e acobreados, chega a todos os recantos da República Tcheca. Para mostrar como brilham de tão esplêndidas as florestas tchecas, escolhemos quatro espaços naturais nos quais a natureza é protagonista absoluta.

Aventura Cultura
Dlouhé stráně, uma das Sete Maravilhas da República Tcheca

Para aqueles que apreciam vivenciar experiências singulares durante as suas viagens, ótima opção é a visita à Usina Dlouhé stráně, que figura na lista das Sete Maravilhas da República Tcheca. Lá você verá a maior turbina reversível da Europa e, nos arredores, motivos mais do que atraentes para estender a visita.

Aventura