Guia básico - O que ver em Karlovy Vary

Os dez recantos mais bonitos da cidade termal de Karlovy Vary, na República Tcheca, para conhecer na próxima viagem, enquanto saboreia a água de suas fontes medicinais. Anote saudáveis recomendações.

Por: Jess Garbarino

Publicado: Maio 12, 2021

As fontes termais minerais descobertas durante expedição de caça na qual participava o rei Carlos IV, em meados do século 14,  foram uma ótima desculpa para a fundação da cidade termal de Karlovy Vary, cujo nome se traduz como “As termas de Carlos”. Localizada a 125 quilômetros de Praga e cortada pelo rio Teplá, a cidade oferece ambiente propício para relaxamento, paisagens com predominância de exuberante verde, fontes termais com água medicinal, arquitetura plena de encanto e muito glamour.

1. Grandhotel Pupp

O elegante Grandhotel Pupp é um ícone de Karlovy Vary. Foi palco de alguns filmes, incluindo Casino Royale – uma das sagas do agente secreto James Bond. Grandhotel Pupp é importante parte da história da cidade, desde 1701. Todos os anos, as celebridades que assistem ao famoso Festival Internacional de Cinema de Karlovy Vary escolhem esse hotel como residência temporária. Também, é um bom lugar para começar qualquer passeio pelas atrações da cidade e um dos dez recantos mais bonitos de Karlovy Vary.

2. Funiculares

Os pronunciados desníveis de Karlovy Vary, que por certo tornam essa cidade termal ainda mais pitoresca, são percorridos  por dois funiculares práticos e pitorescos. O funicular Diana tem sua estação base a poucos passos do Grandhotel Pupp e sobe até o Mirador Diana, onde se encontra extensa área verde, ótima para fazer longas caminhadas, e a Torre Diana. Já o funicular Imperial tem sua base em um dos lados da praça Divadelní, às margens do rio Teplá, e sobe até o majestoso Imperial Hotel.

3. Mirante Diana

Para ter visão panorâmica completa de Karlovy Vary, o melhor é pegar o funicular que sobe até o Mirador Diana. Tem restaurante, mesas com guarda-sóis para fazer piquenique ou saborear lanche rápido - daqueles oferecidos por várias barracas de alimentação. Há ali cerca de 180 quilômetros de trilhas, para agradáveis ​​passeios pelo bosque. Mas o ponto focal é a Torre Diana, mirante com 35 metros de altura, de onde você tem vista espetacular da cidade termal de Karlovy Vary.

4. Hotel Imperial

Outro hotel icônico de Karlovy Vary é o Hotel Imperial, que fica no alto do centro histórico e é uma referência quando o assunto é balneologia. Desde 1912, o hotel já recebeu grande número de celebridades e oferece aos seus hóspedes planos completos, elaborados por médicos especialistas. Contudo, não é necessário demanda médica para desfrutar do seu spa, hospedar-se nos luxuosos apartamentos, passear pelos jardins e apreciar as magníficas vistas que eles proporcionam.

 

5. Colunata Termal

O edifício que abriga a principal fonte termal de Karlovy Vary contrasta fortemente com o ambiente ao redor, devido ao seu design contemporâneo. Junto à entrada principal há fonte circular, de onde brota um gêiser que envia água e vapor para as alturas. No interior do edifício, alinham-se várias colunas de metal – delas, flui água potável. Além do mais, há lojas que vendem as típicas tacinhas de porcelana de Karlovy Vary com canudos integrados, próprias para coletar e beber água mineral.

6. Doze fontes sob belas colunatas

No total, existem 12 fontes públicas em Karlovy Vary, protegidas sob belas colunatas que dão à cidade termal seu caráter particular. Percorrê-los todos e testar as águas de cada um, visto que têm composição química e temperatura diferentes, é a diversão favorita dos visitantes. Fazer esse passeio é também tarefa prescrita por médicos especialistas em balneologia, que oferecem os seus conhecimentos nos diferentes hotéis de Karlovy Vary. Para percorrer esse agradável circuito você tem que caminhar entre a Colunata Termal, a Colunata do Mercado, a Colunata do Moinho, a Colunata do Castelo, a Colunata do Parque e a Fonte da Liberdade.

7. Parque Dvořák

O parque que leva o nome do famoso compositor tcheco Antonín Dvořák é um jardim repleto de flores. O jardim induz ao  relaxamento e oferece a oportunidade de beber as águas termais que brotam de duas fontes protegidas pela chamada Colunata do Parque, construída em 1881. Sem dúvida, é um dos dez  recantos mais bonitos de Karlovy Vary.

8. Hotel Thermal

O controverso edifício erguido nos anos 70 para funcionar como sede do prestigioso Karlovy Vary International Film Festival é sempre centro de polêmicas por seu estilo contemporâneo, que destoa da arquitetura da cidade. No entanto, o Hotel Thermal  tornou-se outro dos ícones de Karlovy Vary. É imperdível visitar sua torre principal, em concreto armado e com 16 andares. Projetado no estilo brutalista pelo casal de arquitetos Věra e Vladimír Machonin, visto de cima o hotel tem o formato de uma câmera de cinema.

9. Museu Jan Becher

A caminhada em busca das 12 fontes minerais de Karlovy Vary tem bônus espirituoso e muito etílico na chamada “Fonte Número 13”. Trata-se do Museu Jan Becher, instalado na antiga fábrica do famoso licor de ervas Becherovka, com 45% de teor alcoólico e sem qualquer propriedade medicinal, apesar de ter sido criado por um farmacêutico. Porém, essa bebida tem o poder de levantar o ânimo de quem faz o tour pelas salas do museu e chega ao momento mais esperado: a degustação.

10. Igreja Ortodoxa Russa de Pedro e Paulo

As cúpulas douradas da Igreja Ortodoxa Russa de Pedro e Paulo, construída em 1898, atraem a atenção de diferentes pontos da cidade termal e despertam a curiosidade do viajante. O complexo religioso foi construído por iniciativa de residentes e visitantes russos ricos, que com frequência visitavam Karlovy Vary para suas terapias. Hoje, essa é a maior igreja ortodoxa da República Tcheca.

Moser Factory, cristal da Boêmia

Sua visita ao balneário de Karlovy Vary não estará completa até que você tenha a experiência de ver com seus próprios olhos como o mundialmente famoso cristal da Boêmia é feito na fábrica Moser, localizada a cerca de 10 minutos de carro do centro histórico. Lá você pode desfrutar do Museu do Cristal e uma visita guiada para assistir aos artistas do vidro soprando longas hastes para moldar suas criações sofisticadas. No final do passeio, a Moser Factory Store oferece uma excelente oportunidade para adquirir linda lembrança.

Leia mais:

FIQUE EM CASA, E VIAJE À TCHÉQUIA ATRAVÉS DE BELOS FILMES

Explore os arredores de Karlovy Vary:

RELAX TCHECO: XÔ, ESTRESSE

 

Ilhas do moldava são passeios imperdíveis em Praga

No percurso do Rio Moldava que atravessa Praga há várias ilhas abertas à visitação. Em alta, a Ilha Slovanský, com as atrações oferecidas pelo Palácio Žofín, como o Baile de Gala; e a Ilha de Kampa, com o Palácio de Liechtenstein e o Kampa Park.

Cultura
Filmes que levam você de Nárnia até Viena, sem sair da Tchéquia

Por toda a República Tcheca, cidades e vilas foram e são cenários para filmes famosos, como As Crônicas de Nárnia – o Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa; e o Ilusionista, que coloca Viena em diferentes recantos de Tchéquia. Várias localidades tchecas criaram roteiros que levam a conhecer os belos cenários que conhecemos através dos filmes.

Arte Cultura Sonhe
Cinco castelos clássicos da República Tcheca

Se você gosta de castelos, seu destino tem que ser a República Tcheca. São centenas deles, em todos os modelos, tamanhos e estados de conservação. Aqui, uma lista com cinco dos mais procurados no país.

Castelos e Palácios Cultura Cultura