Český Krumlov é a mais bela cidade da República Tcheca?

Para José Luis Sarralde, não cabe dúvida:  Český Krumlov é a cidade mais bonita da República Tcheca.

Por: Colaborador Convidado

Publicado: Setembro 20, 2019

A todos que me pedem indicação de um lugar para visitar durante viagem à República Tcheca, além de Praga, eu sempre recomendo Český Krumlov.

Faz algum tempo, fiz a recomendação ao meu amigo Paco Nadal. Por sua vez, ele publicou igual pergunta no blog que comanda no Jornal El País. Vários dos seus leitores deram a mesma recomendação. Recentemente, após visitar Český Krumlov, Paco concordou comigo.

Český Krumlov é, realmente, a cidade mais bonita da República Tcheca? Não visitei tudo mas, nas minhas duas viagens a esse país da Europa Central, eu conheci as vilas e cidades mais visitadas por turistas e, sem dúvida, Český Krumlov  me parece ser a mais encantadora.

Český Krumlov  está a 176 quilômetros ao sudoeste da República Tcheca, na região da Boêmia do Sul, ou seja, a duas horas e meia de estrada, desde Praga. Você pode visitá-lo em viagem de um dia, mas meu conselho é organizar sua visita com tempo para passar a noite em Český Krumlov. Desta forma, você desfrutará plenamente desta cidade encantadora  - o que uma visita apressada não permitirá. Em primeiro lugar, direi que Český Krumlov é considerado Patrimônio Mundial pela Unesco, devido à atratividade do seu centro histórico e seu castelo, além da grande atmosfera cultural que respira. Se você chegar de carro, a melhor maneira de se orientar para descobrir Český Krumlov é seguir as indicações que o levam a um estacionamento para visitantes, junto ao centro urbano.

A partir do estacionamento, a pé, você passará sob uma construção do tipo aqueduto, a qual une dois promontórios rochosos. Então, acessará diretamente a ponte sobre o rio Moldava, que leva ao centro histórico. Adianto que já nesta ponte você ficará impressionado com a beleza da localização de Český Krumlov. O centro histórico é rodeado por um meandro formado pelo rio Moldava, e próximo a ele se ergue o promontório rochoso onde se estende o majestoso recinto do castelo.

A visita ao centro histórico deve ser um passeio por suas vielas, para descobrir encantadores recantos de uma cidade cujas origens remontam ao século 13, e que teve seu maior auge até finais do século 16. Na praça central e nas ruas, você será envolvido por uma excelente atmosfera, e encontrará muitas lojas de artesanato, tabernas e restaurantes pitorescos.

Sobretudo, destacam-se os terraços às margens do rio Moldava, os quais são ideais para se deixar ficar, saborear cerveja tcheca e apreciar o encanto de Český Krumlov. Ou para o jantar, se você decidir pernoitar. Para apreciar melhor a beleza do cenário paisagístico que configura Český Krumlov, você deve subir ao castelo. É uma grande fortificação construída em estilo renascentista, com 40 edifícios diferentes, distribuídos pelo promontório rochoso onde está localizado. É o segundo maior complexo palaciano da República Tcheca (depois do Castelo de Praga).

O edifício ícone é o chamado Castelo Pequeno, com sua torre circular do século 13. Do topo da torre, você terá vistas panorâmicas espetaculares do centro histórico de Český Krumlov, bem como do Castelo Grande. Você não se cansará de tirar fotos. Também a destacar o teatro barroco, que poderá ser visitado – é um dos mais antigos e mais bem preservados do mundo. A caminhada ao longo do percurso que liga os diferentes edifícios do complexo permitirá desfrutar de diferentes perspectivas de Český Krumlov, todas  espetaculares. O conjunto é completado com jardins que datam de meados do século 17.

Para viajar a Český Krumlov a partir de Praga, se não desejar alugar carro, poderá embarcar no ônibus da linha que passa por České Budějovice; ou participar em uma das excursões organizadas. Nos dois casos, cada jornada levará menos de três horas. Por fim, se você pretende viajar por carro através de vários países da Europa Central, vou lhe dizer que Český Krumlov fica a pouco mais de três horas de Viena, Áustria; e a três horas e meia de Munique, Alemanha.

Ou seja, um claro convite para visitar esta bela cidade tcheca.

*Jornalista, criador do blog de viagens Guides Travel e um dos fundadores do grupo de blogueiros de viagens Travel Inspirers.

 

Autor:José Luis Sarralde.

Jornalista, criador do blog de viagens Guides Travel e um dos fundadores do grupo de blogueiros de viagens Travel Inspirers.

Canais relacionados

Experiencia de viagem
Becherovka, a fonte mais saborosa de Karlovy Vary

A cidade de Karlovy Vary ficou famosa por suas fontes de água termal. Mas, mesmo sem o cheiro de ovo podre (as fontes não têm enxofre), o sabor da água é no mínimo discutível. Uma boa opção de bebida, e essa sem polêmica, é a Becherovka, o licor de ervas típico de Karlovy Vary e da Tchéquia por extensão.

Experiencia de viagem
Boêmia do Sul: A rosa de cinco pétalas e muitas outras experiências inesquecíveis

Durante séculos, os Rosenberg e depois os Schwarzenberg dominaram a Boêmia do Sul. O símbolo destas famílias era uma rosa de cinco pétalas, que se repete insistentemente na ornamentação, nos escudos e até mesmo na bandeira da região. Para fazer jus ao número, propomos cinco experiências memoráveis que deve provar em sua viagem a esta região da Tchéquia. 

Experiencia de viagem
Cinco lugares para dançar em Praga, na República Tcheca

Além de ser capital da República Tcheca, Praga também é capital da Boêmia – e da boemia. Então, anote cinco lugares para dançar na cidade.

Dica de local Experiencia de viagem Itinerários