Bonde 22, o maior quebra-galho de Praga

Conheça o bonde que passa pelas principais atrações da cidade.

Por: Colaborador Convidado

Publicado: Setembro 17, 2020

Solto em Praga e cheio de sacolas? Quer chegar ao Castelo, mas não quer subir o morro? Esqueceu como se fala “Por favor, senhor, qual o bonde que devo tomar para ir ao teatro nacional” em tcheco? (Prosim, pane, kterou tramvají se dostanu k Národnímu divadlu).

Seus problemas acabaram! Conheça o Bonde 22, seu amigo de toda hora (entre 4h30 e meia-noite).

O Bonde 22 é quase tudo que você precisa saber sobre bondes em Praga, porque ele percorre virtualmente todos os pontos por onde um turista vai querer passar. A linha começa lá no subúrbio sudeste de Praga e vem cortando a cidade na diagonal, com direito a paradas em quase todo centro histórico. O 22 é tudo de bom...de (hum, essa foi infame).

Vamos supor que você está hospedado na Cidade Nova, naquele três estrelas perto da praça Venceslau. Acabou de largar as malas no hotel e já quer conhecer o Castelo que se ergue... do outro lado da cidade (e no alto de um morro). Solução: bonde 22. Se você está bem na praça Venceslau, recomendo a parada I.P. Pavlova ou Stepanska, as duas à direita do Museu Nacional. Se você está atrás da Praça (e do Museu), mais no bairro de Vinohrady, prefira a Namesty Miru ou Jana Masarika. Se você está ainda mais para trás, com certeza pagou barato pelo hotel... procure um mapa e se localize.

Uma vez no bonde, você já estará fazendo um city tour de graça. E pode subir e descer nos próximos 30 minutos (se comprou o bilhete básico). Então, algumas paradas possíveis:

Národní Třída – A Praça Nacional, encontro da Cidade Nova com a Cidade Velha. Foi aqui que estudantes fizeram uma manifestação pacífica em 1989, e foram reprimidos por tanques soviéticos.

Národní Divadlo – O Teatro Nacional. O belo edifício à beira do rio tem a companhia da Kavárna Slavia, do outro lado da rua, o café onde intelectuais se reúnem para conversar ou produzir – música, literatura, conversa fiada...

Újezd – Já do outro lado do rio, esta parada dá acesso ao parque Petřín e seu funicular.

Malostranká náměstí – A Praça de Malá Strana, onde está a catedral de São Nicolau e mais umas dúzias de edifícios maravilhosos. Acesso fácil à Ponte Carlos.

Malostranká – Parada conjugada à estação de metrô do mesmo nome. Aqui é o mais perto que o Bonde 22 te deixa da Praça da Cidade Velha, mas ainda assim você vai ter que atravessar o rio pela ponte Mánesův (eu disse que o bonde dava acesso a QUASE todo o centro. QUASE). Mas atravessando a ponte você topa com o Rudolfinum, que não é nada mal...

Pražský Hrad – O Castelo de Praga. Depois de subir o morro, desça aqui para visitar o Castelo, o monastério de Strahov e o Loreto.

E como o Bonde 22 vai e vem pela mesma rota, ele também serve para quem se hospeda na região do Castelo, ou em Malá Strana. Os bondes passam em intervalos de 8 a 15 minutos, mas todas as paradas mostram os horários, para você não perder o bonde da viagem (não agüentei, fiz o trocadilho).  Para quem é conectado, mesmo em viagem, o site www.dpp.cz (em inglês), tem uma ferramenta para achar seu bonde (e ônibus e metrô). Você insere onde está e para onde vai e ele te dá as opções. Porém, conhecendo o 22, já está BONDEmais.... (oh não, mais um trocadilho! Chega!).

 



Canais relacionados

Dica de local
Adam Gajdoš: Pilsen necessitava um pouco de cafeína

A mais famosa cidade da cerveja tem também excelente café. É servido em uma pequena cafeteria comandada por Zdeněk e Adam Gajdoš – pai e filho. O Pappa Coffe tem ares hipsters, e é localizado junto à entrada do Museu da Cerveja. Enquanto saboreamos um expresso tonic, Adam nos revela  quais são os lugares imperdíveis em Pilsen, na opinião de um morador.

Dica de local Café literário
Arcadas, colunatas e galerias

As três são soluções arquitetônicas para facilitar a vida de pedestres. E a República Tcheca tem todas, em diferentes cidades.

Dica de local
Suiça boêmia: a paisagem mágica de tchéquia

A beleza natural faz da Suíça boêmia um dos lugares mais procurados pelos viajantes que visitam Praga e desejam descobrir uma paisagem fascinante, de tirar o fôlego. Lá, formações rochosas únicas, com desfiladeiros profundos e pontos de vista facilmente acessíveis são um ímã irresistível.

Dica de local